terça-feira, 8 de novembro de 2011

Como é dificil ser eu....

Mentira, nem é. Esse título é só pra vocês ficarem com pena e lerem o meu post. Hihi.

Anyway, fiquei devendo um post sobre emprego...sobre o emprego que eu perdi. Como vocês sabem eu trabalhei como Childminder pra uma família desde de fevereiro. Era uma família bem complicada, crianças não obedeciam e meu trabalho era muito dificil. Pra ser sincera, eu já peguei esse emprego sabendo que seria assim, já que a Edi, minha amiga que me passou ele, deixou exatamente por esse motivo, por serem crianças meio que insuportáveis. (óh, não to mentindo, leia aqui o post que ela fala deles). Mas os meses se passaram e eu me acomodei, como era de se esperar. Mesmo sofrendo muito eu fiz amizade com outras babás ali em volta e eu me divertia as vezes, várias tardes no parque ou brincando na casa de algum outro amiguinho.
E querendo ou não é dificil não se apegar as pestinhas depois de 8 meses.

Nos últimos meses meu chefe vinha me pedindo pra me pagar na outra semana, ou se ele podia pagar a metade agora, o resto depois. Isso nunca foi um problema pra mim, como ele trabalhava pra ele mesmo não era sempre que ele tinha o dinheiro em mãos, e não receber tudo de uma vez significava que eu economizaria de uma forma ou outra. Foram uns 2 meses assim até que chegou dia 3 de outubro, uma segunda, que ele já me devia 2 semanas de trabalho. Ele foi buscar meu dinheiro e quando voltou, as 4 da tarde, falou que talvez era melhor eu achar outra coisa, porque ele não poderia mais me pagar. Bom, no inicio foi um choque, porque de uma hora pra outra eu fiquei desempregada, mas até que foi bom também, eu precisava achar outro emprego de qualquer forma. Desde setembro, quando Eoin começou a ir pra creche, eu tava mais de empregada doméstica que Babá. A mãe me exigia coisas absurdas de limpeza e me tratava mal se eu não fizesse da forma dela. Cheguei a achar um papel na cozinha com vários nomes de brasileiras e telefones, com certeza era alguém pra me substituir. Perguntei ao meu chefe se eu devia me preocupar com o futuro do meu emprego e ele falou que não, que eles não tavam procurando outra pessoa....oh well, 2 semanas depois eu to desempregada.

Eu acredito que ele realmente ficou sem dinheiro, e eu sei que não tem outra pessoa trabalhando no meu lugar ainda...mas confesso que fiquei meio triste de ele ter me avisado no mesmo dia, e ter falado pras crianças que eu tava saindo de férias. Nem tive como me despedir delas e quando saí da casa a Florence, a pestinha mais velha, veio atras de mim com seu patinete falando que ia viajar comigo então...deu até uma dorzinha no coração.

Bom, mas eu então me prometi que só escreveria esse post assim que conseguisse outro emprego.. e depois de 3 semanas de procura e muito stress eu consegui. Não sei se já comentei aqui, mas sempre trabalhei em Hotel e fazia Turismo no Brasil, então sempre tive vontade de voltar pra esse ramo... não to exatamente no emprego que eu queria, pois estou como Housekeeper, mas pelo menos já to com um pézinho no hotel de novo. Meu novo emprego é no Radisson Hotel, a mesma rede que eu comecei minha vida de trabalho em 2007. Espero ter mais sorte dessa vez.

8 comentários:

Karina disse...

Com certeza dará, logo sou eu atrás de emprego também, no caso meu primeiro emprego aqui.

Marcelle disse...

Aw que bom que você conseguiu algo, logo lgoo você consegue alguma coisa melhor no mesmo lugar, boa sorte para você *-*

isis disse...

boa sorte manu!
vc merece :)

Line! disse...

Que bom que vc ta voltando pro seu ramo, muita sorte Manu!

Vitória disse...

Oi Manu, primeira vez que eu comento aqui, mas leio o teu blog com frequência. Vou pra Dublin em janeiro e minha maior preocupação é o emprego realmente. Tenho a ideia de começar trabalhando com babá ou algo do gênero, mas leio tantas histórias de pessoas que foram exploradas neste tipo de emprego que fico até assustada. Enfim, boa sorte com teu novo emprego!! Beijos

Vitória

Luiz Pereira disse...

Eu sempre leio seu blog, mas nunca comento, mas como eu vi você reclamando (até de mais da conta rs), resolvi deixar bem claro que adoro as coisas que você escreve e me faz bem perceber que é bom arriscar na vida! Torcendo mega pra você conseguir ter sucesso no novo emprego... garanto que não sou o único! ;)

Fernanda Amorim disse...

Que legal saber que tem alguém de Vix na Irlanda!!
Já li 1563248974523 blogs e nunca achei ninguém da terrinha...
Estou indo ano quem vem...E olha, gosto muito dos seus textos, são very funny..hahaha

Força e sorte aí menina..vamos pocar por estas bandas!
bjo

Shiko disse...

Trabalhar pra gente pobre. Me lembrou "Sai de Baixo", você era, sei lá, a Edileusa deles, só faltou continuar trabalhando, mesmo sem receber nada. IA SER POÉTICO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...